Toni Ancelmo

Os governos estão gastando milhões para promover a paz e segurança urbana de forma errada. É preciso promover a paz de forma preventiva. É como no combate de uma epidemia, ou se combate de forma preventiva, ou nunca vai conseguir resolver o problema de forma efetiva.

Faz-se preciso promover a paz desde a criança, desde o seu nascimento, lá na família, com uma educação onde se promova primeiro o principio do Amor a Deus e a seu próximo, do amor e respeito na família, onde os filhos reconhecem e respeitam a autoridade dos pais e os pais vejam os filhos como uma responsabilidade sua. E que na escola se ensine ao aluno os princípios da Moral e do Civismo, do respeito às autoridades, partindo do seu professor, que é seu mestre e líder e no respeito e comunhão com os demais colegas.

É preciso endurecer as leis contra os que tem tendência para a maldade e que promovam ordem na sociedade. E que a sociedade não gaste fortunas com presidiários, com bandidos, mas que este tipo de gente sirva a sociedade, que trabalhem para devolver à sociedade o prejuízo que deram.

Além de tudo isto, acredito que todo o trabalho de prevenção à violência e insegurança pública que assola o nosso país, deve ser feita com muita educação. Precisamos construir neste país milhares de escolas lotadas de estudantes, com uma educação de boa qualidade, com ensino integral, formador de cidadão pensante, com a mente voltado para o crescimento da nação. E no futuro, com certeza, não será preciso gastar tantos recursos públicos para construção de presídios e combate a violência. É dando às nossas crianças hoje, uma educação de qualidade e oportunidades, independente de classes sociais, que teremos no futuro, cidadãos capazes e produtivos. É como disse o grande filósofo Pitagoras: "Educai as crianças e não será preciso punir os homens."

Like (2)
Loading...
2